sábado, 27 de novembro de 2010

' aos poucos eu percebi, *-*



que se apaixonar é inevitável, e que as melhores provas de amor são as mais simples. um dia percebemos que o comum não nos atrai, e que ser classificado como bonzinho não é bom. um dia percebemos que a pessoa que nunca te liga é a que mais pensa em você. um dia saberemos a importância da frase: "você se torna eternamente responsável por aquilo que cativa". um dia percebemos que somos muito importantes para alguém, e que não damos valor a isso! que homem de verdade não é aquele que tem mil mulheres, mas aquele que consegue fazer uma única mulher feliz! enfim... um dia descobrimos que apesar de viver quase um século, esse tempo todo não é suficiente para realizarmos todos os nossos sonhos, para beijarmos todas as bocas que nos atraem, para dizer tudo o que tem de ser dito. o jeito é: ou nos conformamos com a falta de algumas coisas na nossa vida ou lutamos para realizar todas as nossas loucuras, :x

terça-feira, 23 de novembro de 2010

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

' um dia você vai acordar, *-*



   e sentir um imenso buraco em sua vida, 
e vai lembrar que a única pessoa que completava
 seu coração era eu. :(

domingo, 21 de novembro de 2010

' ela queria ele, *-*



ele queria ela e outras; ela sofria, ele nem ligava; ela chorava, ele ria; ela falava, ele não ouvia; ele mentia, ela acreditava; ela o esperava, ele não voltava. ela queria coisa séria, ele só queria se divertir; ela demonstrava seus sentimentos, ele brincava com seus sentimentos; ela sorria pra ele, ele ria dela; ela acreditava em tudo que ele dizia, ele dizia o mesmo para αs outras; ela se iludia, ele alimentava a ilusão; ela espera por ele, ele já está em outra. ela ama, ele gosta; ela fazia tudo por ele, ele dizia não se contentar com tão pouco; ela achava que ia dar certo, ele tinha certeza que ia dar errado; ela queria pra sempre, ele só por um momento; ela se entregava, ele evitava; ela falava: eu te amo, ele apenas sorria; ela ficava por conteúdo, ele ficava por quantidade; ela procurava o príncipe, ele procurava a próxima. ela queria "O", ele queria "UMA"; ele descobriu que ela era A ÚNICA, ela descobriu que ele era só MAIS UM.

' sonho ?, *-*




ele: eu sonhei com você.
ela: sério? ah, então, me conta como foi!
ele: eu não lembro… 
ela: então como sabe que sonhou comigo?
ele: é que eu acordei feliz :D

terça-feira, 16 de novembro de 2010

' só você consegue, *-*


tirar um sorriso do meu rosto com um simples olhar, só você consegue fazer meu coração bater mais forte só pelo simples fato de existir e estar comigo

' muita coisa se perdeu, *-*


com o tempo! antes, crianças eram fofinhas, hoje são malandros, marginais, ou assassinos. quando crianças, nós assistíamos desenho animado, hoje assistimos a violência existente, e as tragédias que abalam o mundo. antes, escutávamos a palavra eu te amo, e era amor verdadeiro. hoje, escutamos ‘eu te amo’, de todas as bocas, e muitas das vezes, isso é mentira. quando crianças, não distinguíamos nada, nem ninguém. hoje somos preconceituosos e não aceitamos as pessoas como elas realmente são. antigamente, meninas de dezesseis anos tinham planos, hoje já são mães. antes, crianças sentiam medo dos pais, hoje, matam-os. antigamente mãe e pai eram sinônimos de segurança, proteção. hoje, filhos morrem, arremeçados de edifícios. antigamente árvores produziam frutos, nos forneciam sombra, hoje não existem tantas árvores assim, e o aquecimento global aumenta cada dia mais.  antes, seres humanos existiam, hoje, só encontramos animais!

' , *-*



' te abraço e sinto coisas que eu não sei dizer, só sinto com você,

' só queria alguém especial, *-*



que diga eu te amo, que morda minha boca e faça coseguinhas só para me ver sorrir, que me faça vontade de comer brigadeiro e que nos dias de chuva assista um filme e coma pipoca até ficar com dor de barriga e com a língua amortecida, que dance comigo, saia comigo, que se divirta comigo, que mate aula só pra me ver, que fique até de tarde comigo no msn, e que pense em mim antes de dormir, alguem que saiba o que é o amor. ♥

' meu coração sente falta, *-*



de um abraço que nunca ganhou, 
mais que tem a certeza que é o melhor do mundo.'

' a vida me ensinou, *-*



a  dizer adeus às pessoas que amo, sem tirá-las do meu coração; sorrir às pessoas que não gostam de mim, para mostrá-las que sou diferente do que elas pensam; fazer de conta que tudo está bem quando isso não é verdade, para que eu possa acreditar que tudo vai mudar; calar-me para ouvir; aprender com meus erros. afinal eu posso ser sempre melhor. a lutar contra as injustiças; sorrir quando o que mais desejo é gritar todas as minhas dores para o mundo. a ser forte quando os que amo estão com problemas; ser carinhoso com todos que precisam do meu carinho; ouvir a todos que só precisam desabafar; amar aos que me machucam ou querem fazer de mim depósito de suas frustrações e desafetos; perdoar incondicionalmente, pois já precisei desse perdão; amar incondicionalmente, pois também preciso desse amor; a alegrar a quem precisa; a pedir perdão; a sonhar acordado. e finalmente: a acordar para a realidade.

domingo, 14 de novembro de 2010

' onde está você ? *-*



você me deixou com a mala cheia e o sorriso vazio, com a cara ensopada de chorar e o coração secando-se em pedaços. não que eu queira voltar com você, mas é verdade que nada é o mesmo sem você. e ainda não entendo por que você se foi, também não entendo por que você chegou, apenas olho sua foto com vontade de ter você de novo ao meu lado... onde você está? você deixou minha alma confusa e meu olhar perdido. vivo sorrindo dia a dia com a tristeza contida. não que eu queira que você volte para mim, mas é verdade que não posso viver sem você. ~

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

' verdadezinhas, *-*



" eu sabia que estava sendo amada, talvez como nunca em toda a minha vida. mas absolutamente incrível. só ele conheceu uma mulher corajosa que admitiu todos os medos, todas as neuroses, todas as inseguranças, toda a parte feia e real que todo mundo quer esconder com chapinhas, peitos falsos, bundas falsas, bebidas, poses, frases de efeito, saltos altos, maquiagem e risadas altas. ninguém nunca me viu tão nua e transparente como você, ninguém nunca soube do meu medo de nadar em lugares muito profundos, de amar demais, de se perder um pouco de tanto amar, de não ser boa o suficiente. só ele viu meu corpo de verdade, minha alma de verdade, meu prazer de verdade, meu choro baixinho embaixo da coberta com medo de não ser bonita e inteligente. só para ele eu me desmontei inteira porque confiei que ele me amaria mesmo eu sendo desfigurada, intensa e verdadeira, como um quadro do Picasso. quero que ele veja o quanto mudei por causa dele. não foi só o muque que ficou mais duro, mas minha autopiedade também aprendeu a ser menos molenga. talvez meu amor tenha aprendido a ser menos amor só para nunca deixar de ser amor. impressionante como a gente sofre por nada. um cheiro que mexe com você, um jeito de olhar contido, uma idéia inteligente, várias na verdade. não, não é nada disso, a gente sofre é pela impossibilidade. ele sabe que você nunca será mais uma daquelas mulheres sem nome, com quem ele janta ou come, pra sentir de dentro da redoma de vidro um sol artificial. ele sabe e afirma pra você, todos os dias, que você é e sempre será única pra ele. a verdade é que eu ainda acredito em reencarnação. seja ele, seja o homem que perde um segundo de ar quando me vê. você segura minha mão e eu me sinto segura. e eu tenho vontade de segurar seu rosto e ordenar que você seja esperto e jamais me perca e seja feliz. e entenda que temos tudo o que duas pessoas precisam para ser feliz. a gente dá muitas risadas juntos. a gente admira o outro desde o dedinho do pé até onde cada um chegou sozinho. a gente acha que o mundo está maluco e sonha com a praia do Espelho e com sonos jamais despertados antes do meio-dia. A gente tem certeza de que nenhum perfume do mundo é melhor do que a nuca do outro no final do dia. a gente se reconheceu de longa data quando se viu pela primeira vez na vida. e do quanto você jamais vai encontrar uma mulher igual à mim nesses lugares deprê em que procurava. porque eu me banco sozinha e eu me banco com um coração. e não me sinto fraca ou boba ou perdendo meu tempo por causa disso. "

- Tati Bernardi - adaptado ! *-*

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

' afinal, você acha o que ? *-*



que é o homem da minha vida ? que eu nasci pra te amar ? pensa que é só chegar perto que eu já fico tremendo dos pés à cabeça ? ou que basta seu nome piscar no meu celular que eu já fico toda eufórica querendo atender você realmente acredita que eu penso em você 718749756785678236 vezes nas poucas 24 horas que eu tenho durante os sete dias da semana e até mesmo quando vou pensar em qual roupa vou vestir hoje eu me pergunto se você ia gostar de me ver vestida daquela forma ? e se eu disser que você ta certo e que toda essa minha pose é simplesmente orgulho bobo de menina que tem medo de abrir os braços e mostrar o coração e se eu disser que é medo ? e adianta alguma coisa ? então ta. eu assumo: eu te amo. sempre te amei. e não há verdade maior .

' eu queria ser invisível, *-*





, para estar todos os momentos ao seu lado, dormir com você, lanchar com você, viver o dia com você, curtir a vida ao seu lado o maximo possivel , lhe beijar e a seu quarto todas as noite entra e lhe ver amanhecer , a seu lado tudo é perfeito !